apresenta

Vésperas da Virgem Santíssima


Estreia a 5 de Julho, no Clube Estefânia/Escola De Mulheres Teatro, a mais recente produção da aBt.

Em comemorações pelos seus 10 Anos, A Bruxa Teatro apresenta Vésperas da Virgem Santíssima, texto de Antonio Tarantino e tradução de Tereza Bento.

Com Figueira Cid, direcção de José Neves, assistência de encenação de Mirró Pereira, sonoplastia de Pedro Costa, desenho de luz de Feliciano Branco, cenografia e figurino de Pedro Fazenda. 



Quase sinopse de uma conversa interior

É um filho que morre e um pai que lida com a sua morte. É um filho que chama pelo pai e um pai que corre sempre em seu socorro, como fazem os pais. É assim que tem de ser, não é? Mesmo além da morte.

Em “Vésperas da Virgem Santíssima” há um jogo “quase-cómico-nunca-sempre-trágico-cómico”, num monólogo em volátil estado, no qual o pai discorre histórias familiares – estreitamente relacionadas com o filho, um travesti de rua - perdido nos tempos, repetindo verbos, falando no passado como se presente fosse, falando de um futuro (talvez ele seja ainda possível?), remetendo para hoje as acções de ontem. Entre vícios, manias, insanidades, as várias vozes destes episódios – do filho, da insuportável mãe – saem em catadupa da boca única do pai, com a urgência de quem tem tanto para dizer ao filho. E já não há tempo. 

Por isso, uma linguagem intensamente oral cria imagens sucessivas, caixas dentro de caixas e é preciso não perder o fio à meada, como acontece nos pensamentos. Crime, prostituição, doença, suicídio, contas para pagar. E amor, incondicional, tolerância, muita. Cabe tudo. Cabe a memória enfiada numa espera que parece não ter fim.  

Mirró Pereira, assistente de encenação



Vésperas da Virgem Santíssima

Em cena de 5 a 22 de Julho | 5ª a sáb às 21:30h, dom às 16h
Clube Estefânia/Escola de Mulheres | Rua Alexandre Braga 24A | Lisboa
Reservas: Clube Estefânia | 915 039 568 
Bilhetes: 10€ | 5€
M/16